IMG_0773
Castelo de Warwick
31/12/2014
serra de guadarrama_08
Serra de Guadarrama
31/03/2015

Cambridge

cambridge

Conhecer lugares novos é sempre bom, mesmo que seja em pouco tempo e em uma temperatura baixíssima. Pensando nisso é que planejei visitar a famosa cidade universitária Cambridge, quando fiz um voo para Londres em janeiro de 2015.

Companhia eu já tinha garantida pois minha prima Carolina, que está fazendo doutorado na UCL, e sua mãe já tinham confirmado a presença nesse passeio!

Cambridge é uma cidade que fica a 80km a nordeste de Londres. É banhada pelo rio Cam, o que transformou a cidade em importante centro comercial durante a Idade Média. Mas, a partir do século XIII a cidade passou a ser sede de uma das mais importantes universidades do mundo: a Cambridge University.

Cena comum na cidade: bicicletas e cartazes

Cena comum na cidade: bicicletas e cartazes

Os trens saem de Londres a cada 30 minutos da estação King’s Cross e a viagem dura cerca de 45 minutos. Da estação de trem até o centro de Cambridge é uns vinte minutos de caminhada ou cinco minutos de táxi.

A Universidade é composta de 31 faculdades, 16 delas surgidas na Idade Média. Lá formaram-se estudantes ilustres como John Milton, William Wordsworth, Francis Bacon, Steven Hawking. Darwin, Newton e Cromwell viveram em Cambridge em diferentes épocas.

Carolina, eu e tia Valéria na fachada do St John´s College

Carolina, eu e tia Valéria na fachada do St John´s College

A primeira faculdade que fomos visitar foi a St John´s College.

Logo na entrada recebemos um guia com informações em português (!!!) com toda a história do edifício, que antes funcionava como hospital.

Visitamos os cinco claustros da faculdade e a capela.

Vitrais da capela

Vitrais da capela

IMG_0927

No terceiro claustro (third court), há um engenhoso recurso de uma janela com nada por trás, que oculta a esquina entre a Biblioteca e o novo claustro construído ao longo da margem do rio.

Janela oculta

Janela oculta

O St John´s College espalha-se pelas duas margens do rio Cam e exibe uma das mais belas pontes da cidade, conhecida como Ponte dos Suspiros.

A Ponte dos Suspiros que liga o Claustro Novo ao Terceiro Claustro tem esse nome por ser uma ponte telhada e por isso se assemelha à famosa Ponte dos Suspiros de Veneza, que dava acesso à prisão. Na Universidade de Cambridge, essa ponte apenas liga um prédio ao outro, e os estudantes e professores passam por ela o tempo todo.

Ponte dos Suspiros

Ponte dos Suspiros

Um costume típico de Cambridge é fazer Putting no rio Cam. Através de uma embarcação tipo canoa, o barqueiro ao invés de remar empurra o barco colocando uma vara até o fundo. Mesmo com o frio abaixo de zero, muitos turistas estavam aproveitando esse passeio, pois é a partir do rio Cam, sob os ramos dos chorões plantados na margem, que é possível admirar o “The Back” que são os fundos dos prédios da universidade.

IMG_0950

Putting no rio Cam

Putting no rio Cam

Infelizmente nós não tivemos tempo para esse passeio e também o frio nos desanimou muito.

Depois fomos visitar a Trinity College, lugar onde Isaac Newton estudou e morou. É lá que fica a famosa árvore que caiu a maçã em sua cabeça e ele descobriu a gravidade!

Portal da Trinity College

Portal da Trinity College

Maciera de Newton

Maciera de Newton

Na verdade, essa não é a macieira original, como dizem. Essa é uma árvore que veio da original, que na verdade era na casa de Newton, perto dali.

Pátio da Trinity College

Pátio da Trinity College

A Trinity College é a maior da Universidade de Cambridge e foi fundada pelo rei Henrique VIII em 1546.

Lá visitamos a capela e a biblioteca, além dos pátios principais.

Abordei alguns alunos para perguntar sobre como é estudar lá e eles me contaram que é muito difícil e há muita competição.

Capela da Trinity college

Capela da Trinity college

Paramos para almoçar e percebemos que nosso tempo nessa famosa cidade universitária já estava acabando.

A famosa King´s College foi possível visitar apenas por fora, o que foi uma pena pois sua capela é considerada uma das mais maravilhosas da Inglaterra. Realmente, a beleza da arquitetura impressiona!

King´s College

King´s College

Passamos pelo famoso “The Corpus Clock”, que existe na cidade desde 2008 e foi divulgado por Stephen Hawking. Ele apresenta o “chronophage”, comedor do tempo, que dá um passo a cada segundo. É uma espécie de relógio ao avesso, pois o mecanismo do relógio fica fora dele. E nenhum computador é envolvido no mecanismo!

IMG_0978

E também apenas passamos pelo famoso pub The Eagle. Foi lá que Watson e Crick anunciaram ao mundo que eles haviam descoberto o segredo da vida, o DNA!

IMG_0979

Para quem veio de um país que nunca ganhou nenhum prêmio nobel, estar em uma Universidade que já recebeu 82 prêmios é realmente emocionante, O clima de cultura e estudos domina o lugar e eu senti MUITA vontade de estudar lá.

Apesar de já poder riscar na lista mais um dos “Mil lugares para conhecer antes morrer”, achei que nosso passeio ficou um pouco incompleto. Quero voltar em Cambridge (no verão) para passear de barco no rio Cam, visitar a King´s College e o pub Eagle e, quem sabe, estudar?!

Gastos totais do passeio (por pessoa):

passagem trem: 30 libras
entrada no St John´s College: 5 libras
entrada na Trinity College: 3 libras
Táxi: 4 libras
Total: cerca de 170 reais